É possível cheesecakes ao amamentar?

Algumas pessoas absolutamente não podem tolerar a coalhada natural. No entanto, mesmo aqueles que não suportam o sabor dos produtos lácteos vão querer comer cheesecakes corados e doces. Cheesecakes são bastante populares entre adultos e crianças. Ao mesmo tempo, muitas mulheres que amamentam muitas vezes pensam se podem usar cheesecakes durante a amamentação? Quanto queijo cottage nesta forma pode ser útil para um bebê recém-nascido?

Sobre as propriedades benéficas e prejudiciais dos cheesecakes

Sabe-se que a composição do prato clássico inclui: ovos, açúcar, farinha, um pouco de sal, sêmola e queijo cottage. O número de ingredientes contidos nos bolos de queijo não pode prejudicar muito uma mulher durante a lactação.

Queijo cottage
O queijo cottage é considerado o principal ingrediente dos cheesecakes. É muito benéfico para a saúde das mulheres lactantes. Como parte da coalhada, há cálcio útil, que ajuda a restaurar os ossos, dentes, placas de unha e cabelo para as mulheres no período pós-parto. De fato, durante a gravidez, uma mulher em trabalho de parto perde a maior parte do cálcio no corpo, portanto, após o parto, é necessário preencher o corpo com esse oligoelemento útil. Devido ao fato de que o cálcio entra no leite materno, fortaleça os ossos da criança.

O queijo cottage contém proteína de leite "coagulada", que neste estado não é um alergênico para o bebê recém-nascido. Portanto, pratos feitos de queijo cottage, facilmente digerido pelo corpo de crianças. Alimentos consistindo de proteínas são componentes muito importantes para a saúde de uma mulher e seu bebê durante a amamentação. Esta proteína se torna uma importante base de construção para o bom funcionamento do corpo. Além disso, os nutrientes contidos na coalhada ajudam a acelerar os processos metabólicos no corpo da mulher.

No entanto, é importante lembrar que as mães que amamentam não podem comer apenas um queijo cottage. É útil para a saúde de uma mulher, mas não é capaz de substituir todas as necessidades essenciais da mãe em vitaminas e oligoelementos. Cheesecakes pode ser um excelente prato saudável que ajudará a diversificar a dieta da mãe. Mas não se esqueça de uma dieta equilibrada de mulheres que amamentam. Portanto, é importante que a composição do cardápio feminino inclua proteínas animais e vegetais. Também é importante comer frutas e legumes, tipos magros de carne e peixe.

Poucas pessoas sabem que o queijo cottage tem um efeito diurético aumentado. Se o corpo da mãe sofre de edema, então a coalhada pode ser benéfica. Neste caso, os médicos não aconselham usar muito queijo cottage para mulheres com problemas do aparelho geniturinário e rins. Um excesso de proteína animal no corpo pode causar lixiviação de cálcio do corpo. Isso aumenta a carga nos rins.

Ovos, farinha e sêmola
Nutricionistas recomendam mulheres lactantes para evitar comer ovos nos primeiros meses de crescimento do bebê. O fato é que os ovos são considerados um forte alergênico para o corpo do bebê. Portanto, antes de apresentar cheesecakes como um novo prato na dieta de uma mulher de enfermagem, vale a pena experimentar cada ingrediente com antecedência. Uma mãe em trabalho de parto pode comer metade de um ovo cozido pela manhã nos primeiros dias. E observe o comportamento do corpo do bebê gradualmente. Se o bebê não é alérgico a ovos, então você pode adicioná-los com segurança aos seus alimentos favoritos.

Quanto à farinha e sêmola, a base desses produtos contém trigo, bem como proteína - glúten. Infelizmente, este componente não pode ser absorvido por todo organismo, mas sua intolerância pelo organismo é uma raridade. No entanto, não vale a pena excluir a reação negativa de uma criança ao glúten. Como regra geral, os nutricionistas recomendam a adição de produtos que contenham esta proteína aos pratos de uma mãe que amamenta somente após o segundo ou terceiro mês de vida do bebê. Embora o teor desses crupe seja relativamente pequeno em relação ao requeijão, é possível excluir a reação negativa do corpo do bebê à sêmola e à farinha.

O principal é seguir a receita durante o cozimento e não colocar muita farinha ou semolina. No entanto, deve-se ter cautela nessa questão, especialmente no primeiro mês de vida das pequenas migalhas.

Para a preparação de cheesecakes, mães que amamentam melhor usar farinha do mais alto grau, tem propriedades mais úteis. Esta farinha não sofre refinamento químico e branqueamento, como mais de suas variedades mais baratas. Mas os componentes nocivos que estão contidos na farinha barata, podem penetrar no corpo do bebê juntamente com o leite materno e causar-lhe danos. Portanto, se uma mulher decide tratar-se com deliciosos cheesecakes durante a lactação, é importante escolher apenas ingredientes de qualidade que não prejudiquem a saúde da mãe e da criança.

Digite os cheesecakes na dieta da mãe corretamente

Para que uma mulher que amamenta coma cheesecakes saborosos e saudáveis ​​sem medo da saúde do bebê, é importante seguir alguns conselhos dos especialistas da GW:

  1. É necessário adicionar o syrniki à ração da mulher em trabalho de parto apenas no segundo ou terceiro mês do desenvolvimento do recém-nascido.
  2. A primeira vez não deve comer mais do que um cheesecake no café da manhã. Pela primeira vez, é melhor introduzir este prato na dieta pela manhã, para que a mãe tenha a oportunidade de observar o comportamento do bebê durante o dia.
  3. Se o organismo do bebê normalmente toma os novos produtos, ele não mostra reações alérgicas, problemas com a digestão ou intestinos, então as mães podem gradualmente adicionar cheesecakes à sua dieta. Para começar, você não pode comer mais que três cheesecakes, o que equivale a cerca de 100-150 gramas de cada vez.
  4. Se o bebê percebeu negativamente o novo produto na dieta da mãe, então vale a pena excluir os cheesecakes da dieta por um tempo. Depois que o bebê estiver um pouco mais velho, depois de três ou quatro meses, você pode novamente tentar entrar no menu de cheesecakes.
  5. É melhor cozinhar bolos de queijo a partir de ingredientes naturais e frescos em casa, mas guarde alimentos de conveniência deve ser evitado por completo. Por via de regra, na composição de cheesecakes comprados contêm aditivos prejudiciais.

É importante! Muito abuso comer cheesecakes não vale a pena. Mesmo alimentos muito saudáveis ​​podem se tornar prejudiciais e causar problemas digestivos se você os comer em excesso.

Para cheesecakes, é desejável levar queijo caseiro, que pode ser cozido sozinho. No entanto, se não há absolutamente nenhum tempo para isso, então as mães que amamentam devem comprar queijo cottage de fornecedores confiáveis. Neste caso, o produto deve ser fresco e seu teor de gordura não deve ser superior a 9%. Queijo cottage muito gordo pode causar complicações intestinais e cólicas em uma criança.

Nos cheesecakes não deve entrar muito açúcar ou bagas. Também é melhor abandonar os doces, geléia, leite condensado, chocolate líquido. Muitos destes xaropes doces podem ter corantes, sabores e conservantes prejudiciais. Você pode substituí-los com creme azedo de baixo teor de gordura ou adicionar um pouco de geléia de maçã caseira.

Para cozinhar cheesecakes, é importante monitorar não apenas a qualidade dos produtos, mas também prestar atenção aos métodos de cocção. As mães que amamentam são melhores para não fritar cheesecakes em uma panela com muito óleo. Isso é muito prejudicial para a saúde de uma criança pequena. É melhor cozinhar cheesecakes no forno ou usando um banho-maria, isso fará com que o prato de coalhada seja mais útil.