Suco de romã durante a gravidez - os benefícios e danos

A romã suculenta é considerada uma das frutas mais úteis do planeta. Suco de grãos maduros é prescrito para o tratamento de várias doenças, a ingestão de alimentos. Especialmente importante romã fresca para o sistema cardiovascular e circulatório.

Muitos médicos prescrevem terapia de suco para mulheres grávidas. Aminoácidos e ferro, bem como um interessante conjunto de vitaminas, têm um efeito positivo sobre os organismos da mãe e do bebê. No entanto, suco azedo e concentrado pode ser perigoso em alguns casos e até causar reações colaterais. Sim, e escolher uma bebida de romã real com um efeito de cura não é tão simples.

Composição quimica

Grãos maduros de uma fruta tropical contêm néctar concentrado. Ele contém os seguintes componentes que são úteis para os organismos da futura mãe e filho:

  • ácidos orgânicos (tartárico, cítrico, málico e outros);
  • componentes de bronzeamento;
  • aminoácidos (substituíveis e essenciais);
  • açúcares (frutose, glicose e outros);
  • polifenóis solúveis em água;
  • vitaminas do grupo B, C, A, PP, E;
  • pectinas;
  • taninos;
  • isoflavonas;
  • vestígios de fibra vegetal;
  • macro e microelementos (ferro, potássio, iodo, magnésio, cobre, cálcio, selênio, fósforo, sódio e outros).

Suco de romã em excesso contém potássio, que é importante para o funcionamento normal do coração e do sistema circulatório. Graças ao microelemento, o músculo lida com o aumento da carga durante a formação de um círculo gestacional adicional de circulação sanguínea.

Ferro em néctar é perfeitamente absorvido devido à vitamina C, produz prevenção da anemia de mulheres grávidas, hipóxia fetal. Não é de admirar que o suco de romã seja prescrito para mulheres grávidas com baixa hemoglobina ou um nível insuficiente de glóbulos vermelhos.

Além do ácido fólico, a romã contém sua forma natural - a folacina, que proporciona o desenvolvimento do sistema nervoso da criança, o desenvolvimento de órgãos internos e também reduz o risco de defeitos e patologias.

Graças aos antioxidantes e isoflavonas, o corpo rejuvenesce, regenera e renova as células. Esses componentes produzem efeitos antipiréticos e anti-inflamatórios, ajudam a combater a microflora patogênica e resistem a resfriados.

Pectinas, taninos e vestígios de fibra têm um efeito positivo na digestão e peristaltismo dos intestinos, aumentam a sua motilidade, facilitam a absorção de componentes benéficos. Também produz uma ação prolongada, ajudando a combater a diarréia.

Propriedades úteis de suco de romã durante a gravidez

Saborosa e azeda fresca afeta os organismos da mulher grávida e a criança em várias direções.

  1. Remove o excesso de líquido dos tecidos. O efeito diurético leve do suco permite que você limpe os rins de toxinas e metabólitos, remova a água do corpo, o que reduz rapidamente o inchaço nos estágios posteriores.
  2. Limpa e tonifica os vasos sanguíneos. A romã é conhecida por sua capacidade de dissolver colesterol e placas ateroscleróticas que bloqueiam os vasos e interferem no fluxo sanguíneo normal. O potássio e outros minerais fortalecem as paredes vasculares, previnem a fragilidade, o que reduz a probabilidade de perda significativa de sangue durante o parto.
  3. Reduz a pressão O néctar das sementes de romã suavemente e gradualmente reduz a pressão para o nível normal, prevenindo o desenvolvimento de pré-eclâmpsia, eclâmpsia e ataques de hipertensão nos estágios mais avançados, bem como em gravidezes múltiplas.
  4. Reduz os sinais de toxicose. O suco de romã alivia a condição da futura mãe, reduz os ataques de náusea, melhora o apetite e estimula o funcionamento do trato digestivo. É suficiente beber um copo de suco fresco uma hora antes do lanche pretendido, para que a mulher grávida possa comer completamente.
  5. Fortalece as superfícies mucosas. A ação adstringente em combinação com antioxidantes proporciona uma rápida regeneração e cura da membrana mucosa, incluindo os tecidos da cavidade oral.
  6. Aumenta a coagulação do sangue. A romã está envolvida na hemostase, reduzindo o risco de sangramento vaginal, bem como a perda sangüínea grave durante o parto.
  7. Ajuda a perder peso. Suco de romã acelera o metabolismo, proporcionando absorção rápida e completa de nutrientes. Também decompõe gorduras e colesterol, ajudando uma mulher grávida a não ganhar excesso no 2º e 3º trimestres. Baixa caloria (60 calorias por 100 ml) permite que você use fresco para dieta.
  8. Aumenta a imunidade. Vitamina C, aminoácidos e antioxidantes fazem a prevenção de doenças infecciosas, catarrais e inflamatórias.
  9. Melhora a atividade genérica. O néctar das sementes de romã fortalece o sistema muscular e os ligamentos e, durante as contrações, promove a secreção natural de ocitocina.
  10. Positivamente afeta a aparência. Suco de romã pode ser usado para nutrir, hidratar e tonificar a pele. Graças ao efeito anti-séptico, as espinhas e as dermatoses desaparecem, a tez melhora, as sardas e os pontos de pigmentação são clareados. O néctar pode ser esfregado em áreas vulneráveis ​​(parte superior do tórax, abdômen), o que reduz o risco de estrias e flacidez.

Como beber futuras mamães

Nutricionistas aconselham mulheres grávidas a empurrar suco fresco de sementes de romã. É importante escolher a fruta certa:

  1. Entre na temporada.
  2. O topo da fruta deve ser mais escuro que o resto e completamente seco.
  3. A fruta deve ser elástica e firme, sem manchas claras ou escuras, zonas moles, amassados.
  4. Um aroma fino deve emanar da casca (o cheiro característico e brilhante indica o amadurecimento excessivo da fruta ou o uso de óleos essenciais, sabores).

Se você não pode espremer o suco sozinho, você pode comprar pronto, mas apenas de um fabricante confiável. Bom néctar serve para todos os parâmetros:

  • engarrafado exclusivamente em vidro;
  • armazenado na forma fechada não mais do que um ano, e no aberto até 3 dias;
  • o país de produção coincide com a região do cultivo da romã;
  • a bebida é preparada por extração direta de matérias-primas de primeira classe;

Não há adoçantes, conservantes, corantes, ácido cítrico, bem como impurezas de outros sucos como base (por exemplo, sabugueiro, beterraba).

Você também precisa entender que o suco fresco dos grãos é muito concentrado e extrativo. Deve sempre ser diluído 1 para 1 com água purificada ou outro suco (beterraba, cenoura, pêra, etc.).

É aconselhável beber o suco por meio de um canudo, o que reduzirá o contato de ácidos orgânicos com o esmalte sensível. Você também deve lavar a cavidade oral com água ou uma solução de refrigerante depois de beber a bebida.

Contra-indicações e danos

Abuso de qualquer, mesmo o fruto mais útil, leva à ocorrência de reações adversas. O suco de romã é concentrado, adstringente e azedo, o que levanta vários problemas:

  1. Efeito de fortalecimento pode levar a constipação crônica, o que perturbar as mulheres grávidas nos períodos posteriores.
  2. A vitamina C, ésteres, extratos e outros componentes na composição da bebida são os alérgenos mais fortes que causam dermatite, urticária, intoxicação alimentar e, em casos raros, angioedema.
  3. Ácido fresco ácido aumenta a acidez do estômago, o que pode causar exacerbação da gastrite e úlceras.
  4. O efeito diurético do suco carrega os rins e o sistema excretor, de modo que pielonefrite, cistite e até mesmo urolitíase podem se desenvolver.
  5. A bebida ácida corrói o esmalte dos dentes, que é tão quebradiço e lavado durante a gravidez.

Em conexão com o possível dano, os médicos fizeram uma lista de contraindicações rigorosas para o uso de suco de romã:

  • forma aguda de toxicosis, preeclampsia;
  • distúrbios de coagulação do sangue, incluindo a tendência para o aumento da trombose;
  • alérgica a vegetais vermelhos ou frutas cítricas;
  • hipotensão e desordens vegetovasculares;

Doenças do trato gastrointestinal (úlcera, colite, gastrite, acidez, pancreatite, hemorróidas, azia, constipação crônica e outras).

Boa portabilidade de suco é a escolha certa de fornecedor de frutas ou néctar. Apenas 100% de suco natural nutre o corpo de uma mulher e uma criança com componentes úteis, prevenindo o desenvolvimento de anemia, diabetes gestacional, hipóxia fetal, eclâmpsia e outras complicações da gravidez.

Usando romã fresca, uma mulher preenche as necessidades do corpo de vitaminas, antioxidantes, aminoácidos e fibra alimentar, o que elimina a necessidade de tomar drogas sintéticas caras.