Pode ser amamentado?

Acontece que nesse período, quando uma mulher está amamentando um bebê, ela realmente quer provar kvass. Mas alguns expressaram a opinião que durante a lactação é extremamente indesejável para ver kvass na dieta de uma mulher. Para concordar com essa afirmação ou refutar, é necessário resolver essa questão com mais detalhes.

Kvass e amamentação: benefícios

Загрузка...

Kvass - bebida verdadeiramente eslava. A história de sua aparição remonta a mais de um milênio atrás. Sobre essa bebida você pode aprender mais com as antigas crônicas. É necessário entender que sua receita agora, é claro, não é aquela que foi quando apareceu pela primeira vez. Com o passar do tempo, sua receita de culinária mudou. Se antes foi preparado de vários produtos, agora o kvass de pão principalmente prevalece.

Kvass natural contém uma pequena quantidade de álcool, entrando no grupo de bebidas com baixo teor alcoólico. Portanto, seu uso durante a lactação está associado a certas restrições. Mamãe amamentando, é claro, pode permitir kvass em pequena quantidade, mas não deve exceder uma xícara por dia. Exatamente a mesma quantidade é permitida por uma mulher durante o período em que ela está em estado de gravidez.

Se você usar kvass pouco a pouco, então não trará nada além de bom para uma mulher:

  • Kvass é um excelente tônico.
  • Esta bebida permite que você lide perfeitamente com a fadiga.
  • Beber kvass leva ao aumento do apetite.
  • Kvass na dieta ajuda a normalizar os intestinos.

Entre na dieta de tal bebida pode ser a expiração de 3 meses após o nascimento.

Casos quando o kvass não é indicado para consumo

Kvass tem uma base de levedura, e isso contribui para o aumento da formação de gases nos intestinos. Se alguém tiver problemas com o trato digestivo, é necessário colocar sotaques ao escolhê-lo como bebida para consumo. Provavelmente, é melhor não arriscar e, em vez de kvass, dar preferência ao kefir. De grande importância é a condição da criança depois de beber mamãe kvass. Pode acontecer de o bebê ficar inquieto, caprichoso. A razão para isso são cólicas intestinais devido ao aumento da formação de gases. Este é um sinal para parar o uso do kvass.

Se não houver sinais negativos sobre a saúde do bebê, então não há motivos para a proibição do uso de kvass pela mãe que amamenta. Se ela tem necessidade dessa bebida, então você pode beber em pequenas quantidades. Mas é igualmente importante aprender como escolher o kvass. Afinal, o estado da mulher e dos bebês dependerá disso.

A escolha certa de kvass

Tornar isso muito difícil, como pode parecer à primeira vista. Para muitos, é de parentesco para toda a ciência. A melhor opção é kvass caseiro. Infelizmente, nem sempre há tempo suficiente para fazer isso. Alguns simplesmente não querem fazer isso. Então você precisa ir até a loja para comprá-lo:

  1. Em comparação com o kvass de garrafa, a versão da bebida do barril é muito melhor que os análogos de garrafa. Mas neste caso existem certas nuances. Para uma mulher é importante em que condições higiênicas o comércio de kvass se realize. Não hesite em pedir documentos sobre o produto, confirmando sua qualidade. Atenção é dada ao tempo do produto. O kvass vivo mantém suas propriedades benéficas por 72 horas. Se algo é armazenado mais tempo, então isso não é kvass real, mas uma bebida com o seu sabor.
  2. O kvass de garrafa não pode ser considerado 100% natural. Seria mais correto chamá-lo condicionalmente natural. Mas isso não significa que tal produto seja prejudicial para uma mulher que amamenta. O conteúdo da garrafa pode ser turvo por natureza, até mesmo um ligeiro sedimento é permitido. Esta bebida é feita a partir de fermento, açúcar, malte e água pura. Você deve estudar cuidadosamente o rótulo. A palavra "carbonatada" deve estar ausente. É melhor se o produto estiver em um recipiente de vidro, em vez de plástico.

Cozinhar kvass você mesmo

A preparação é bastante simples por natureza. Prepare o produto de acordo com a seguinte receita:

  1. O pão é cortado e seco no forno. Depois disso, eles preencheram metade do volume do banco de 3 litros.
  2. Ferva a água, que adiciona açúcar em um volume de 10-15 colheres. O xarope pronto é derramado em um pote de pão ralado. Deve ser resfriado antecipadamente. Para uma fermentação mais intensa, as passas podem ser usadas.
  3. O recipiente é coberto com gaze e por algum tempo deixado sozinho. Isto é necessário para o processo normal de fermentação, que durará 3-4 dias.
  4. Então o acionador de partida pode usar-se para a nova preparação de kvass. Isso exigirá muito menos bolachas e xarope de açúcar.

A bebida é saborosa e, com o seu uso, a mãe que amamenta estabelece as bases para a saúde do seu filho.

Assista ao vídeo: Mitos e Verdades sobre amamentação (Novembro 2019).

Загрузка...

Categorias Populares

Загрузка...